quinta-feira, 29 de julho de 2010

INTERNET E OS "RASOS"

ALÔ PESSOAL!!!!!!!
Desde que o XQUIMICA começou, nunca quis colocar propagandas ou outros meios de "distração" dos textos principais.
A edição de agosto de 2010 da revista "Galileu" mostra que estou no caminho certo.
Se a intenção do XQUIMICA é promover o interesse e o conhecimento, não tem por que nutrir outras informações irrelevantes ( para esse caso!)
O artigo da "Galileu" fala sobre a memória e o aprendizado.( abaixo um texto do que foi compreendido este artigo)
Nicholas Carr, um dos mais polêmicos pensadores da era digital, propõe em seu último livro "The shallows: what internet is doing to our brains" que estudos mostram que quando estamos conectados, em um ambiente que promove a leitura apressada, pensamento corrido , distraído e aprendizado superficial está nos deixando mais rasos e com menor capacidade de pensamento crítico.
A coisa funciona assim: quando voce abre a internet para ver determinado assunto, logo aparecem links, jogos, propagandas. Os seus olhos começam a captar tudo isso e essa parafernália tira voce do seu assunto principal.
Aos poucos voce abre "n" abas, lê um monte de coisas, se perde, e dos assuntos lidos voce se lembra do quê?
Quando paramos o que estamos fazendo para ler uma mensagem, passamos a ter mais dificuldade para memorizar- ação essencial no aprendizado.
De uma maneira sucinta no momento em que tomamos contato com uma informação, produzimos no cérebro uma reação que os cientistas chamam de memória curta: sinapses que já existiam são ativadas, mas isso não fica gravado automaticamente . QUANDO RELEMOS, PENSAMOS SOBRE A INFORMAÇÃO, ALÉM DESSA ATIVAÇÃO INICIAL , SÃO PRODUZIDAS PROTEÍNAS E NOVAS SINAPSES: essa é a memória longa.
" Para lembrar algo a longo prazo, voce precisa prestar atenção e processar aquela informação profundamente. Não sabemos até que grau isso é comprometido quando usamos a internet" diz Kandel, professor da Universidade de Columbia , em Nova York.
É claro que a gigantesca quantidade de informação gerada e mantida pela internet é um ganho imenso para a humanidade.A questão é saber usar esse recurso.
Quando voce tem uma pergunta pode agir de duas maneiras: refletir, pensar, tentar chegar em uma resposta; ou pode ir ao Google ou outro buscador.
Em qual momento voce está usando sua inteligência e raciocínio?
É esse discernimento que voce deve ter ao usar a internet e seus aplicativos.Lidar com a multiplicidade de estímulos é um desafio constante.
Mas vamos deixar uma coisa bem clara: leia os textos um por vez, na sua totalidade, sem parar...
E depois tente lembrar o que leu e o que entendeu!
XQUIMICA AJUDANDO VOCE !




3 comentários:

Anônimo disse...

Parabens pelo seu blogger, gostei muito. no meu blogger tem bastante coisa legal, tem texto avatar, msn nick, seu nome japones, curso de coreano, winks e emoticons, gerador, web messagens, tradução, etc...

http://bloglegalnovo.blogspot.com

ou

http://www.up.dahora.net

Espero que seja meu seguido.

Victor disse...

Muito bom voltar a ler seu blog Lígia, eu estava viajando : )

Eu acho que a internet tem um valor incrível e incomensurável (pois o conteúdo útil ou não que ela proporciona é praticamente infinito). E é muito mal compreendida por todos (incluindo eu).

O que eu acho incrível na internet é que todos que tem acesso podem desfrutar de um conhecimento incrível. A quantidade de informação, livros e etc é enorme! Nenhuma enciclopédia teria tanta informação. Somente a internet tem o poder de guardar, ampliar e divulgar tanto conhecimento, e você faz parte disso, está incluída pois você divulga toda informação que é útil e pode ser aproveitada por todos.

O problema é que não estamos preparados para tal tecnologia, e esse despreparo é que da origem ao mal uso que fazem da internet, incluindo nela um monte de informações fúteis, ignorantes e desprezíveis. Ou seja, o problema é o uso que as pessoas fazem da internet, uma fonte incrível de conhecimento.

E eu não dou a minima pra essa história de que a internet faz mal, e prejudica uma série de funções psicológicas que lidam com o aprendizado. Existe um mal que também assombra nossos lares há muito tempo (aproximadamente 2 séculos...), a televisão. Pois a televisão, ao contrario da internet, é limitada, e pode ser manipulada pelo estado e pelas corporações. Já a internet é livre e não pode ser controlada da mesma maneira.

Deveriam ter escrito um livro também "What television is doing to our brains."

Um grande abraço!

XQUIMICA disse...

Agradeço os elogios, legal.Dei uma espiada no seu blog, achei divertido!
Victor, saudades!!!!!!!! estava mesmo perguntando onde andaria " meu super crítico"!
Muito boa sua réplica ao texto.Quanto à TV, veremos o "poder" dessa mídia nas eleições...abraços!

Arquivo do blog

Quem sou eu

Minha foto
Fazendo a vida ser interessante