segunda-feira, 21 de outubro de 2013

IMPACTO AMBIENTAL- O SOLO

ALÔ PESSOAL!!!
Mais uma vez, com um tema bem interessante para os vestibulares: IMPACTO AMBIENTAL, só que visando o solo.
desmatamento
O solo é um recurso natural  fundamental para o equilíbrio do planeta Terra e para a sustentção da vida, é finito, frágil e não renovável, uma vez que está sujeito a inúmeros impactos e processos de rápida degradação ao passo que sua reposição se faz de maneira lenta, em escala geológica de tempo.
Os efeitos dos impactos ambientais sobre os solos tornam-se difíceis   e alguma vezes, impossíveis de serem reparados, como é o caso doa erosão, pois uma vez que o solo foi retirado, não será reposto na velocidade necessária, demorando milhares de anos.
O solo é responsável pelo suporte da biodiversidade nas áreas continentais, além de papel importante no controle do ciclo hidrológico e do carbono.
Além disso são a base da produção agrícola, serve de suporte para a maioria das obras e construções humanas, são fontes de recursos de materiais de construção e minerais, além de ser usado como repositório de inúmeros resíduos líquidos e sólidos produzidos pelo homem.
A área continental é de aproximadamente 148 milhões de kmo que representa pouco menos de 1/3 da superficie da Terra.Considerando que vastas áreas são cobertas por gelo ou tem o solo congelado tem-se uma redução siginficativa das áreas com solos que podem ser aproveitados.
As leis de proteção ambiental preocuparam-se , primeiro, com a proteção da água e a poluição doar, tardando a perceber a gravidade sdos impactos sobre os solos. Iso resultou em áreas degradadas por contaminação, erosão, super exploração e desertificação.
Pela CETESB é considerada contaminada uma área que apresenta poluição ou contaminação causada pela introdução de quaisquer residuos ou substancias, que nela tenham sido depositadas, acumuladas, enterradas, infiltradas, de forma planejada ou acidental ou natural.
Áreas degradadas são entendidas como áreas onde ocorre alteração de suas propriedades físicas ( estrutura, grau de compacidade, perda de matéria devido à erosão) e alterações de características químicas, devido a processos com salinização, lixiviação, deposição ácida e introdução de poluentes e alterações biológicas como perda da biodiversidade, redução da matéria orgânica e redução da biomassa.
Para que a avaliação do impacto seja realizada foram criados os indicadores ambientais, um conjunto que tem parâmetros e pode fazer a mensuração das mudançase identificar os efeitos decorrentes.
 
 

Arquivo do blog

Quem sou eu

Minha foto
Fazendo a vida ser interessante