sexta-feira, 9 de maio de 2008

quinta-feira, 8 de maio de 2008

SODA CÁUSTICA E ALUMÍNIO!!!EXPLOSÃO SEMANAL!

ONDE É USADO O ALUMÍNIO?



O alumínio puro é maleável e frágil, porém suas ligas com pequenas quantidades de cobre, manganês, silício, magnésio e outros elementos apresentam uma grande quantidade de características adequadas às mais diversas aplicações. Estas ligas constituem o material principal para a produção de muitos componentes dos aviões e foguetes.
Quando se evapora o alumínio no vácuo, forma-se um revestimento que reflete tanto a luz visível como a infravermelha. Como a capa de
óxido que se forma impede a deterioração do revestimento, utiliza-se o alumínio para a fabricação de espelhos de telescópios, em substituição aos de prata.
Devido à sua grande
reatividade química é usado, quando finamente pulverizado, como combustível sólido para foguetes e para a produção de explosivos. Ainda usado como anodo de sacrifício e em processos de aluminotermia para a obtenção de metais.
Outros usos do alumínio são:
Transporte: Como material estrutural em aviões, barcos, automóveis, tanques, blindagens e outros.
Embalagens: Papel de alumínio, latas, tetrabriks e outras.
Construção civil: Janelas, portas, divisórias, grades e outros.
Bens de uso: Utensílios de cozinha, ferramentas e outros.
Transmisão elétrica: Ainda que a condutibilidade elétrica do alumínio seja 60% menor que a do
cobre, o seu uso em redes de transmissão elétricas é compensado pela sua grande malebilidade, permitindo maior distância entre as torres de transmissão e reduzindo, desta maneira, os custos da infraestrutura.
Como recipientes criogênicos até -200 ºC e, no sentido oposto, para a fabricação de caldeiras
Observação: As ligas de alumínio assumem diversas formas como a
Duralumínio.

VAMOS AO ALUMÍNIO!





O ALUMÍNIO PERTENCE À FAMÍLIA 3 A , OU SEJA, AQUELA DOS " BOM ALUNINHO GANHA INDIOZINHO" ) BORO, ALUMÍNIO, GÁLIO, ÍNDIO E TÁLIO !!!!!!!


O alumínio é um elemento químico de símbolo Al de número atômico 13 ( 13 prótons e 13 elétrons ) com massa atómica 27 u. Na temperatura ambiente é sólido, sendo o elemento metálico mais abundante da crosta terrestre. Sua leveza, condutividade elétrica, resistência à corrosão e baixo ponto de fusão lhe conferem uma multiplicidade de aplicações, especialmente na aeronáutica. Entretanto, mesmo com o baixo custo para a sua reciclagem, o que aumenta o seu tempo de vida útil e a estabilidade do seu valor, a elevada quantidade de energia necessária para a sua obtenção reduzem sobremaneira o seu campo de aplicação.
É dado a
Friedrich Wöhler o reconhecimento do isolamento do alumínio, em 1827( WIKIPÉDIA)


VOCES VÃO VER QUE AS LATAS DE REFRIGERANTES SÃO FEITAS DE ALUMÍNIO, AS BANDEJAS DE ALIMENTOS TAMBÉM...


E O BRASIL RECICLA 95% DAS LATINHAS DE ALUMÍNIO... ENTÃO ESSA LATINHA NA SUA MÃO JÁ FOI E VEIO VÁRIAS VEZES!!!!!!!!!!!


domingo, 4 de maio de 2008

REAÇÃO!

14 KMnO 4 + 4 C3 H5 ( OH ) 3 --> 7 K2CO3 + 7 Mn2O3 + 5 CO2 + 16 H2O

KMnO4 --> PERMANGANATO DE POTÁSSIO : É UM FORTE OXIDANTE!

C3H5 OH --> GLICEROL : ÁLCOOL

REAÇÃO DE COMBUSTÃO, EXOTÉRMICA, COM LIBERAÇÃO DE ÁGUA , EM FORMA DE VAPOR, E GÁS CARBÔNICO, ALÉM DE CARBONATO DE POTÁSSIO ( K2 CO3 ) E ÓXIDO DE MANGANÊS ( Mn2O3)

KMnO4 :

É utilizado como agente oxidante em muitas reações químicas em laboratório e na indústria. Também é utilizado como desinfetante em desodorantes. É usado para tratar algumas enfermidades parasitarias dos pés; no tratamento da água para torná-la potável , e como antídodo em casos de envenenamento por fósforo. Na África, muitos o utilizam para desinfetar vegetais com a finalidade de neutralizar qualquer bactéria presente. Soluções diluídas (0,25%) são utilizadas como enxaguantes bucais e, na concentração de 1 %, como desinfetante para as mãos.
NA CONCENTRAÇÃO DE 10 A 20 G É MORTE NA CERTA, SE INGERIDO!!!!!!!!!

BOTOX E BOTULISMO!

PENSE MUITO BEM ANTES DE APLICAR TOXINA BOTULÍNICA NO ROSTO!

O desejo de prolongar a juventude do rosto se tornou mais próximo da realidade com as cirurgias plásticas em geral e com o botox em particular. A famosa injeção atenua rugas e marcas da idade, oferecendo resultado satisfatório a quem utiliza com moderação este recurso e procura profissionais bem qualificados. O uso exagerado, entretanto, pode transformar o sonho em pesadelo, deixando muitas vezes o rosto sem expressão e, em alguns casos extremos, até mesmo deformado.
Recentemente, a Agência de Controle de Remédios dos EUA (Food and Drug Administration, FDA) divulgou estudos demonstrando "sistemáticas reações adversas" em alguns usuários da toxina botulínica, entre elas problemas respiratórios e eventualmente morte. Também foram relatados efeitos como dores de cabeça, fraqueza muscular e náusea.
De acordo com o FDA, estes sintomas apresentados são típicos do botulismo, doença causada pela toxina botulínica, que é o princípio ativo do Botox. Isso acontece, de acordo com a autoridade norte-americana, quando a toxina se espalha pelo corpo para além do local específico onde foi injetada.
O efeito estético da injeção de Botox se dá na paralisação do músculo de determinada região do rosto, removendo a ruga, que é resultante justamente da retração do músculo. O procedimento tem durabilidade média de seis meses e, após este período, os pacientes voltam ao consultório para novas injeções.
O problema é que, atualmente, muitas pessoas, principalmente mulheres, tornaram-se obcecadas pelo mito da eterna juventude e acabaram "viciadas em botox". Por conta disso, o FDA recomenda que o medicamento não seja administrado no paciente em um intervalo inferior a cada três meses.
Para quem está interessado em fazer uma aplicação, algumas medidas ajudam a conferir mais segurança ao procedimento, como por exemplo certificar-se de que o médico é bem qualificado e especializado em cirurgia estética da pele da face. Além disso, é importante esclarecer todas as dúvidas e informar-se sobre os riscos envolvidos no processo.
Copyright © 2008 Agência Estado. Todos os direitos reservados.

Arquivo do blog

Quem sou eu

Minha foto
Fazendo a vida ser interessante