sábado, 22 de maio de 2010

CONTAMINAÇÃO POR CÉSIO RADIOATIVO NA ÍNDIA



O video échocante quando voce vê a maneira rudimentar de reutilização de materiais.
A contaminação por elementos radioativos é muito séria pois altera as pessoas envolvidas para sempre , continuando através da carga genética passada aos seus descendentes.

sexta-feira, 21 de maio de 2010

MOVIMENTO BROWNIANO



ALÔ PESSOAL!!!!!!!!

Tudo bem?
Dizer que Einstein era um gênio mega total é pouco!
Uma das muitas teorias surpreendentes dele se refere ao "movimento browniano"

Leia o texto abaixo retirado do site do estadao.com.br

(imagem: estadao.com.br)
Com uma conta de vidro medindo milésimos de milímetro e raios laser, uma equipe de cientistas dos Estados Unidos conseguiu comprovar uma ideia formulada por Albert Einstein em 1907, e que o próprio gênio científico acreditava que jamais poderia ser testada.
O problema envolve o chamado "movimento browniano", como são chamados os deslocamentos aleatórios que uma partícula suspensa em líquido ou no ar apresenta, mesmo quando o meio está em repouso.
Em 1905, mesmo ano em que propôs a primeira versão da Teoria da Relatividade, Einstein havia explicado esse movimento como um resultado da temperatura do meio.
Dois anos depois, ele propôs que a energia da partícula suspensa deveria depender apenas de sua temperatura, e não de sua massa ou composição.
Para provar isso experimentalmente, no entanto, seria preciso medir a velocidade da partícula em escalas de tempo muito pequenas, o que Einstein considerou impossível, mas agora foi feito. O resultado está publicado na edição desta semana da revista Science.
"A velocidade de uma partícula browniana muda aleatoriamente e em escalas de tempo extraordinariamente curtas", explica Mark Raizen, da Universidade do Texas, um dos autores do experimento. "Para uma esfera de sílica de 1 micrômetro na água, a velocidade muda de direção e magnitude mais ou menos a cada 100 nanossegundos. Seria preciso um sistema de detecção com tempo de resposta inferior a 10 nanossegundos para medir a velocidade instantânea".
Para realizar a medição, a equipe de Raizen usou ultra-som e raios laser a fim de manter uma partícula de vidro de 3 micrômetros em suspensão no ar, a diferentes pressões.
"Lançamos as contas de vidro com o ultra-som, e as pegamos com as pinças laser", descreve ele. O laser, focado na partícula, gera uma pequena força, suficiente para mantê-la em suspensão contra a gravidade. Além disso, os deslocamentos da partícula no ar afetam o laser. A detecção dos raios permite medir a velocidade com precisão.
O resultado conferiu com a previsão de Einstein. "A conta de vidro tem a mesma energia cinética média que uma única molécula de ar", diz Raizen.
O uso de lasers para controlar partículas suspensas poderá permitir resfriar as partículas a temperaturas baixas o suficiente para permitir o surgimento de efeitos quânticos, afirma Raizen. "Nosso sistema é novo e tem muito potencial, porque a partícula de vidro no vácuo não está ligada fisicamente a nada. Ela é simplesmente suspensa em raios de luz".

quinta-feira, 20 de maio de 2010

CÉLULA ARTIFICIAL

Somente imaginem as possibilidades desta decoberta!
(imagem; revista Science)
Craig Venter volta a "tocar" nas origens da vida. O cientista norte-americano criou em laboratório uma célula artificial. "Estamos a entrar numa nova era da ciência limitada apenas pela nossa imaginação", disse à revista "Science".
É a primeira vez que um cientista cria uma forma de vida sintética, cujo material genético provém de quatro produtos químicos.
Após 15 anos de investigação, Craig Venter e a sua equipa conseguiram fabricar em laboratório as unidades básicas do ADN de uma bactéria (Mycoplasma mycoides) e introduzir esse material sintético numa outra célula receptora de espécie diferente (Mycoplasma capricolum).
Sem qualquer vestígio genético anterior, formou-se na célula receptora a nova espécie em poucos segundos.
Depois da descodificação do genoma humano, há dez anos, a descoberta de Craig Venter volta a levantar questões éticas e filosóficas em torno do conhecimento científico. Se for possível, devemos melhorar o nosso código genético?
Mas, por outro lado, há implicações no campo da Biologia com vantagens indiscutíveis. A mesma técnica de laboratório pode ser usada para fazer combustíveis limpos, para tornar a água potável ou acelerar a produção de medicamentos.
"Esta é uma ferramenta potentíssima”, disse Craig Venter à revista Science. “Estamos actualmente a desenvolver algas capazes de capturar CO2 e convertê-lo em hidrocarbonetos que podem ser processados nas refinarias. Isto evitaria ter de extrair mais petróleo do solo”, acrescentou.
"Acho que o mais importante é que estamos a entrar numa nova era da ciência limitada apenas pela nossa imaginação", concluiu.
Entre a comunidade científica as reacções dividem-se. Há cientistas que reconhecem a proeza técnica de sintetizar a maior parte do ADN e chegar à precisão suficiente que permite substituir o próprio ADN da célula.
Mas, segundo o jornal norte-americano “New York Times”, consideram esta abordagem apenas como promissora, uma vez que, vai levar anos para criar novos organismos, e, entretanto, os progressos nos biocombustíveis já estão a ser conseguidos com abordagens tradicionais de engenharia genética.( texto:http://jn.sapo.pt)
XQUIMICA ATENTO Á NOVIDADES!

ÉSTERES CHEIROSOS!

(imagem:http://www.profjoaoneto.com)
ALÔ PESSOAL! Como estão?
Aqui faz frio, finalmente!!!!!!!!
E o Victor quer saber se o aroma de morango do sorvete é um éster: a resposta é sim!!!!!!
A maioria dos "aromas" são ésteres...
Vamos corrigir: butanoato de etila - ACIMA- é o aroma do abacaxi.
Pode-se citar como exemplos o acetato de isopentila (empregado como essência de banana), acetato de benzila (utilizado como essência de jasmim), pentanoato de isopentila (essência de maçã), acetato de etila (empregado com solvente em diversos materiais) e acetato de butila (solvente encontrado no esmalte):

Outros:

Nome do éster---------Fórmula ---------- Aroma/sabor
Butanoato de etila -C3H7 - COO - C2H5 -abacaxi[1]
Formato de isobutila- H - COO - C4H9- framboesa
Formato de etila -H - COO - C2H5-  pêssego
Butanoato de pentila  -C3H7 - COO - C5H11-  abricó
Acetato de pentila  - CH3 - COO - C5H11 -   pêra
Etanoato de octila - CH3 - COO - C8H17-  laranja
Etanoato de benzila - CH3 - COO - CH2 - C6H5-  gardênia
Etanoato de pentila - CH3 - COO - C5H11-  banana
Heptanoato de etila - C6H13 - COO - C2H5-  vinho
Etanoato de etila -  CH3 - COO - C2H5-   maçã
Nonilato de etila -C8H17 - COO - C2H5 - rosa
Antranilato de metila-  H2N - C4H6 - COO - CH3 -  jasmim
Caprilato de etila -  C5H11 - COO - C2H5   - pinha
Acetato de etila-  CH3 - COO - C2H5-   menta
Butanoato de butila - C3H7 - COO - C4H9-  damasco
Etanoato de isobutila -  CH3 - COO -C4H9 - morango
(Wikipédia )
E que tal tentar montar as fórmulas acima??????????

segunda-feira, 17 de maio de 2010

SORVETE DE MORANGO- DA COR AO SABOR

(imagem:www.emporiumsaopaulo.com.br)
ALÔ PESSOAL!!!!!!!!!!
Acharam que eu sumi??????Nananinanão!!!!!!! estava trabalhando, corrigindo provas, fazendo médias ( aliás procurando as médias!) ....
E não é que eu compro a SUPER e vejo essa reportagem mega interessante à respeito do Sorvete de Morango da Kibon?
Voce tem idéia do que tem dentro do pote? ENTÃO VAMOS LÁ:VER COMO SE FAZ! Primeiro a cor: como será que "fabrica" aquele rosadinho?
Preparado?
Suco de inseto! isso mesmo! As cochonilhas são um praga nas plantações e crescem muito rapidamente.Uma forma de controlar é utlizando o bichinho triturado . É o corante carmim.Para colorir a sua bola de sorvete de morango são necessários 40 insetinhos esmagadinhos!
E nada de ficar com nojo! Esse corante é usado em muitos produtos ...
Agora a cor é carmim: para ficar rosadinha junta-se urucum( coloral ) .
O sabor de morango é conseguido com ácido cítrico que se mistura à polpa da fruta para reforçar o gosto.Esse ácido vem do melaço da cana de açúcar.
Para a massa ficar consistente entra a goma jataí, que é extraída da alfarrobeira.
E para ficar mais cremoso ainda tem o carbonato de cálcio, o mesmo que forma as conchas, a casca dos ovos e está nos seus ossos!
Então , quando voce olhar para o sorvete de morango, pense: sem a química ele não existiria!
XQUIMICA GELADO E ROSADO!
(fonte: Superinteressante n°278)

Arquivo do blog

Quem sou eu

Minha foto
Fazendo a vida ser interessante